Na tela – Requiem para um sonho

Alguns leitores aqui do Mafragafando sabem que recentemente assisti Requiem Para um Sonho, e isso foi errado, MUITO, errado! Todo mundo dizia que era um puta filme que merecia ser visto, então, a Netmovies deixou o dvd aqui em casa outro dia e sexta feira à noite fui ver. Errado, muito errado!
Não tenho estado na minha mais plena felicidade, e essa sexta feira eu estava bem longe disso, mas vocês não tão muito afim de ouvir sobre isso, eu suponho. Vamos ao bendito filme.

Requiem para um sonho é foda. Não tem muito mais o que ser dito sobre ele além de que ele é foda. Mas vamos tentar:
Harry, Marione e Tyron são três jovens usuários, que resolvem vender drogas e ficar ricos com isso. Ao mesmo tempo, a mãe de Harry, Sara, fica viciada em pílulas para emagrecer. Mas o diretor Darren Aronofsky mostra isso com cenas e cortes impressionantes, que transportam o espectador pro caos em que os quatro estão. Toda vez que os jovens injetam, vemos várias cenas, cortes rápidos, deles preparando, injetando e o efeito da droga. A mesma coisa acontece com Sara: Quando toma anfetaminas, ela fica hiperativa, andando, arrumando a casa, falando. Ao tomar o remédio para dormir, tudo fica mais lento… Além disso, vemos como as amizades e relacionamentos vão se desmontando por causa das drogas.

Não sei se isso é realmente uma zona de spoilers, mas como eu vou falar do final do filme, cuidado. Todas essas sensações que o diretor provoca no decorrer do filme se intensificam no final, quando os personagens estão indo para o fundo do poço. Como disse antes, estava mal, então por alguma razão ver aquelas pessoas se destruindo, e sem conseguir sair da espiral de desgraças, foi me deixando agoniada. Faltando 15 minutos para o fim do filme, eu estava sem ar, chorando e enjoada.

O grande negócio do filme, é que ele não faz aquela propaganda anti drogas careta, ele fala como elas drogas podem, de fato destruir tudo que você tem, ou quer ter. Dos filmes que mostram como as pessoas podem se acabar, como Clube da Luta, esse foi o que mais me pegou. Não sei dizer por que, mas foi.

Recomendo Requiem para um sonho em dias de sol e felicidade plena.

2 comments

  1. Felds · May 13, 2008

    Obrigado por fazer aquela deliciosa imagem do final do filme voltar à minha mente.
    Você me paga.

  2. Fábio · May 13, 2008

    Eu incentivei esse post!
    Rsrs…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s