I am Jack’s wasted post

Eu tenho um bloquinho de notas, um Moleco, pra ser mais exata. Quando ganhei pensei: Uau! Vou poder escrever tudo que me vem à cabeça quando estou na rua, longe de um pc, e com isso, meu blog terá mais posts! Ledo engano… O caderninho está cheio de anotações: Compras de supermercado, números de contas bancárias, lista de filmes, e no meio alguns rascunhos de posts.

Nenhum deles virou realidade.

Hoje em dia eu tenho twitter, tumblrs infinitos, e o blog acaba ficando um pouco de lado. Até quero escrever coisas aqui, não quero declarar o Mafragafando como morto, mas acho que meus pensamentos têm saído sempre em até 140 caracteres. Isso dificulta um pouco posts interessantes e longos.

Outro dia, registrei no tal caderninho um rascunho para um post sobre a magreza excessiva das modeletes. Reli, achei um lixo, não publiquei. Acho que o problema é esse: Estou mais auto-crítica, e gostando cada vez menos do que escrevo.

Acho que é por isso que gosto tanto do FYCV, posto fotos, escrevo pouco e faço todo mundo feliz. Essa fase auto crítica pode ser só uma fase, e depois volto a Mafragafar… Ou não… Veremos…

Aliás… por que mesmo escrevi esse post? Vou publicar antes que eu releia e apague.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s